Friday, November 11, 2005

Presente com história

Reminiscências de um passado de informação alternativa (e criativa) e de mobilização política. Testemunho colhido depois de convencer que não punha em causa a segurança nacional...


3 Comments:

Blogger Carlos Gil said...

Lembrei-me dos 'jornais de parede' do período revolucionário, o Maio africano. Nem li, só a imagem trouxe-me recordações. Porra para isto, estou velho.

3:58 AM  
Anonymous José Paulo said...

Bolas Nkhululeko, é para matar o pessoal de saudade. Como o Gil diz, eram os jornais de parede, reuniões de mobilização e informação, campanhas de alfabetização, etc. Estamos é MUITO velhos! PS: Já me lembrei de ir buscar os velhos cadernos com os discursos do Samora e comparar a análise de então, com a situação actual. Penso que será bonito...Abraços

7:42 PM  
Blogger Nkhululeko said...

Acho que é uma comparação que vale a pena fazer. Esses cadernos são uma relíquia. Velhos?! Nem por isso...as transformações foram muito rápidas.
Há rupturas e continuidades nos processos políticos. Lembro-me de ver no ano passado, em Macossa (Manica) aulas de alfabetização de adultos, no meio mato. Um quadro improvisado, todos sentados no chão...e lá se estudava. Um abraço.

9:05 PM  

Post a Comment

<< Home